Arquivo da categoria: Receitas

Festa Junina – Arraial Light

Canjica, pipoca, paçoca, quentão… Em volta da fogueira, quem é que resiste? Junho é recheado de comidinhas tentadoras. Não fique na vontade… Quer economizar outro tanto de calorias? Queime-as dançando a quadrilha!

Quentão Sem Álcool

Ingredientes:4 xíc. (chá) de água4 xíc. (chá) de suco de maçã light3 rodelas médias de limãoCasca de 1/2 laranja

6 rodelas finas de gengibre fresco

1 canela em pau

3 anizes-estrelados

4 cravos-da-índia

1 col. (sopa) de adoçante culinário

  Modo de fazer:Em uma panela, coloque a água, o suco de maçã, o limão, a casca de laranja e as especiarias. Ferva por 7 minutos, acrescente o adoçante e sirva quente.Rendimento:12 copinhos (60 ml)Calorias por porção: 20 kcal (o tradicional tem 120 calorias)
Bolo de fubá
Ingredientes:4 gemas4 claras em neve1 xíc (chá) de adoçante culinário4 col. (sopa) de margarina light3/4 de xíc (chá) de fubá3/4 de xíc (chá) de farinha de trigo1 col (sopa) de fermento em pó3/4 de xíc (chá) de leite desnatado2 col. (sopa) de requeijão light1 col. (sopa) de sementes de erva-doce
Modo de Fazer: Bata na batedeira as gemas com o adoçante e a margarina. Desligue o aparelho e misture delicadamente a farinha, o fubá, e o fermento peneirados e o leite. Acrescente as claras o requeijão e a erva doce. Coloque em uma fôrma untada com margarina light e leve ao forno pré-aquecido a 180o. C durante 45 minutos, aproximadamente. Espere esfriar e polvilhe canela em pó.Rendimento: 16 fatiasCalorias por porção: 118 kcal (o tradicional tem 354 kcal)
Canjica
Ingredientes: 1 1/2 xíc.(chá) de canjica4 xic.(cha)de água2 xic.(cha)de água-de-coco2 pedaços de canela em pau4 col (sobremesa) de adoçante culinário4 xic. (cha) de leite desnatado5 col (sopa) de coco ralado light
Modo de Fazer: Deixe a canjica de molho em água por 8 horas. Escorra, coloque na panela de pressão e acrescente a água a água-de-coco, a canela e 1 colher do adoçante culinário. Leve ao fogo e espere a panela de pressão pegar pressão e cozinhe por 15 min. Abra a panela, acrescente o restante do adoçante,o leite e o coco ralado. Ferva por mais 5 minutos. Tampe a panela e deixe esfriar.Sirva com canela em pó (ou 1 col de sopa da paçoca).
Rendimento: 10 xícaras de 150 ml
Calorias: 90 kcal ( a tradicional tem 270)
Curau
Ingredientes:4 xíc (chá) de leite desnatado2 latas de milho escorrido6 col (sopa) de adoçante culinário1 col (sopa) de margarina Light1 col (sopa) de maisena1 col (café) de essência de baunilha1 col (sob) de canela em pó
Modo de fazer: Bata no liquidificador o leite, o milho, o adoçante, a margarina e a maisena. Passe pela peneira e coloque numa panela antiaderente. Leve ao fogo médio e mexa até ficar um creme grosso. Acrescente a baunilha e distribua em taças e polvilhe com a canela. Deixe esfriar. Leve a geladeira por 30 minutos antes de servir.Rendimento: 12 taças 100 mlCalorias por porção: 60 kcal (o tradicional tem 240 kcal)

Dicas:

– A pamonha combina mais com a dieta que a paçoca. Podemos substituir a paçoca pela pamonha, ou a canjica pelo pé-de-moleque. São opções menos calóricas, mas que não deixam de ser saborosas.
– Troque o doce de leite pelo de abóbora ou pelo de batata-doce.

– Prefira um copo pequeno de quentão (120 ml) a uma latinha de cerveja (300 ml).

– Se achar melhor, opte pela canjica no lugar do chocolate quente.

Confira outras possíveis “trocas saudáveis”:

 

Espetinho de carne

melhor que

Hot Dog

Pipoca

melhor que

Amendoim

Canjica ou Curau

melhor que

Pé-de-moleque

Maçã do amor

melhor que

Doce de coco

Bolo de milho

melhor que

Cocada

Milho cozido

melhor que

Cuzcuz

Bolo de fubá

melhor que

Bolo de chocolate


Aí vão algumas dicas de como aproveitar esses quitutes com consciência:

Moderação: a chave para não passar vontade. Ao invés de passar vontade, saiba comer um pouco de cada coisa, sem exageros.
Cuidado com o grande vilão junino: o frio! Todo mundo sabe que frio é sinônimo de comer muito e, de preferência, só alimentos apetitosos e que transbordam calorias. É aconselhável que os alimentos ricos em carboidratos sejam consumidos na hora do almoço, para que o corpo tenha tempo de “queimá-los” ao longo do dia. Para piorar a situação, as roupas de inverno, que sempre escondem as formas do corpo, criam a ilusão de que não estamos engordando. Nem pense em extrapolar nas guloseimas!
Sair de casa de estômago vazio? Nem pensar! Antes de ir a tal festa junina, faça uma refeição leve.
Fazer escolhas é o caminho! Sim, a festa junina é recheada de alimentos saborosos. Mas será que você não pode abrir mão de um ou outro? De forma consciente, coma apenas o que realmente tiver vontade. Se estiver com dificuldades em “fechar a boca”, pare e pense: “Eu realmente quero comer isso?”. Na pior das hipóteses, você vai comer um, ao invés de três maçãs do amor.
Vai festejar em casa? Receitas criativas são ótimas pedidas! Trocar alguns ingredientes nas receitas é muito simples e, o melhor, o sabor é praticamente o mesmo. Substituir leite integral por desnatado, diminuir a quantidade de farinha, trocar o leite de coco pelo coco ralado…
Culpa? Esqueça essa palavra. Se, mesmo depois de todas essas dicas, você não resistiu e comeu mais que deveria, muita calma. Sentir-se culpado certamente não é o melhor caminho. Então, relaxe, respire fundo e saboreie a guloseima. Pra não pôr tudo a perder, que tal se controlar no dia seguinte? Fazer refeições leves e de baixa caloria fará com que você se sinta melhor, pode ter certeza.

Aos exagerados, a quadrilha! Uma coisa é certa: fazer exercícios físicos após exagerar nos quitutes está longe de ser um prazer – ainda mais no frio. Então, aproveite o clima junino e se exercite “à caráter”: que tal dançar a quadrilha? A idéia, além de original, ajuda a queimar muitas calorias!



Alimento

Calorias

Quantidade

Peso

Doce de Leite

116

1 colher de sopa cheia

40 gramas

Doce de abóbora com coco

86

1 colher de sopa cheia

40 gramas

Doce de banana em calda

39

1 colher de sopa cheia

48 gramas

Doce de mamão verde

78

1 colher de sopa cheia

40 gramas

Paçoca

115

1 unidade

30 gramas

Pé-de-moleque

88

1 unidade

20 gramas

Doce de coco

235

1 colher de sopa cheia

50 gramas

Cocada

404

1 unidade média

70 gramas

Arroz doce

197

1 pires

120 gramas

Canjica

136

1 pires

120 gramas

Pamonha

190

1 unidade

100 gramas

Curau

180

1 xícara de chá

120 gramas

Quindim

111

1 unidade média

35 gramas

Cachorro-quente

213

1 unidade

Varia

Churrasquinho no espeto

205

1 unidade

100 gramas

Maçã do amor

462

1 unidade

150 gramas

Milho verde cozido

320

1 unidade

Varia

Liliam Teixeira Francisco

Nutricionista – CRN 2001100044-3

Consultórios:

Barra: Città America – Av. das Américas, 700 sala 343 bloco 6 –  Tel.: 2484-5028

Niterói: Rua Cel Moreira César, 229 sala 1712 – Shopping Icaraí – Tel.: 2246-0234

Méier: Rua Dias da Cruz, 556 sala 101 – Tel.: 2289-9403 / 3273-2772

Copacabana: Av. N. Senhora de Copacabana, 1052 sala 901 – Tel.: 2246-0234

Anúncios

Deixe um comentário

Arquivado em Colunas, ENDOdiagnostic, Receitas

Versões Light

Desde o início do balão e da nova dieta que eu tinha me conformado com algumas coisas, por exemplo, não comer strogonoff. Uma coisa ou outra a gente acaba comendo, mas de maneira geral tinha já me acostumado em não ser uma opção usar o creme de leite.

Qual não é minha surpresa quando recebo na última consulta com a dra. Liliam versões light de várias comidinhas consideradas “proibidas”. Para ser legal, separei algumas que reproduzo aqui.

.

Strognoff Magro

Ingredientes: 500g de coxão-mole ou patinho sem gordura aparente; 1 colher de sopa de óleo; 1 colher de sopa de farinha de trigo; 1/2 cebola ralada; 2 dentes de alho amassados; 2 tomates batidos sem sementes; suco de limão.

Molho Bèchamel: 1 copo de leite desnatado; 1 colher de sopa de maisena; 1 colher de sobremesa de margarina e sal a gosto.

Preparo: Temperar a carne com sal e suco de limão, passar na farinha de trigo e reforgar com o eoleo em fogo baixo. Quando a carne estiver refogada, acrescentar a cebola, alho e tomate. Deixar tomar gosto. A parte prepare o molho bèchamel misturando todos os ingredientes frios. Leve ao fogo até engrossar. Acrescente o molho ao refogado de carne. Misturar bem. Deixar ferver por um minuto e servir quente.

.

Maionese Magra

Ingredientes: 1 cenoura média cozida e picada; 1 xícara de café de leite desnatado; 1 xícara de café de óleo; 1 colher de sopa de cheiro verde picado; 1 colher de sobremesa de suco de limão; sal a gosto.

Preparo: Bater todos os ingredientes no liquidificador até obter uma mistura homogênia. Conservar na geladeira.

.

Brigadeiro

Ingredientes: 240g de leite desnatado em pó; 360 ml de água; 4 colheres de sopa de chocolate em pó; 30 g de margarina; gotas de baunilha; adoçante a gosto; 1 pacote de coco ralado.

Preparo: Misture tudo menos o coco ralado e leve ao fogo até dar o ponto. Depois de frio, fazer as bolinhas e passar no coco ralado.

.

E aí, curtiram  as sugestões? Eu quero muito tentar a maionese e ver o gosto, hehehe…

1 comentário

Arquivado em Colunas, Receitas

Receita para a Páscoa

Ontem eu fiz um post sobre como passar a páscoa sem sofrer, e logo pelo twitter a querida @olhosespanhois pediu uma receita com peixe. Por isso, a seguir, uma receita que recebi da dra. Liliam também.

Imagem retirada do site Receitas da Aline - receitasdaline.blogspot.com

 

Caesar Salad de Bacalhau

Ingredientes: 300 g de bacalhau, suco de 1 limão, 4 fatias de pão cortado em cubos, 4 colheres de sopa de azeite, 1 alface, 1 pão francês ralado, 30 g de queijo parmesão light ralado, 4 anchovas, pimenta a gosto, sal a gosto, 2 dentes de alho esmagados, 1 colher de chá de molho inglês.

Modo de Preparo: Misturar bem o sumo de limão, metade do azeite, a pimenta, o sal e o alho. Pegar os cubos de pão com um pouco de azeite e dourá-los no forno. Separe duas colheres de queijo ralado e misture o pão ralado restante. Untar o bacalhau com o restante do azeite e passá-los pela mistura de pão e queijo ralados. Levar ao forno aquecido a 225ºc durante 12 minutos. Enquanto se prepara o peixe, partir as folhas de alface, lavada e escorridas nos pratos, regar com um pouco de molho e polvilhar no queijo ralado que sobrar. Colocar o bacalhau sobre a alface, os cubos de pão, as anchovas e regar com o molho restante.

Parece bem gostoso!! Espero que todos gostem da receita!

Deixe um comentário

Arquivado em Colunas, ENDOdiagnostic, fome, Receitas

Alimentação light durante a viagem


Imagem tirada do blog Meninas aos Riscos

Inspirada nas minhas viagens, e para você também curtir um cardápio melhor nas viagens de carnaval, aí vai mais uma coluna da dra. Liliam!

Supere o desafio de manter alimentação light mesmo longe de casa

O que comer durante viagens de carro

A gente sente mais sede dentro do carro, por causa do ar condicionado ou do vento. O perigo número 1 é abusar do refrigerante. Vá de água, suco light e água-de-coco. Outro problema é confundir sede com fome, por isso capriche na hidratação. Leve lanches ricos em proteínas e gorduras do bem, que conferem saciedade por mais tempo e não atrapalham a digestão, assim como o carboidrato necessário para aguentar a viagem. Boas opções são sanduíche de peito de frango com pão integral, snacks de soja, frutas práticas, cookies integrais, castanha-do-pará, frutas desidratadas, biscoitos assados (não fritos!), sucos à base de extrato de soja. Não esqueça de que alguns itens precisam de refrigeração. Uma bolsa térmica resolve o problema.

Paradas na estrada

As lanchonetes são um festival de comidas calóricas e gordurosas (difíceis de digerir), sem falar do baixo valor nutricional. Evite salgados prontos e refrigerante. Melhores opções: iogurte light, sucos light de lata ou caixinha e, dependendo da fome, um misto-quente ou bauru no pão francês (sem miolo). Se a viagem for curta, faça uma boa refeição antes de sair de casa.

O que comer no aeroporto

Como hoje, infelizmente, a espera neles pode ser longa, fique atenta. Se não quiser acabar matando a fome com pão de queijo, é melhor se precaver antes de chegar ao aeroporto ou procurar opções de sanduíches naturais, de atum ou frios magros como peito de peru ou blanquet com alface e tomate. E tenha sempre na bolsa barrinhas de cereais, castanhas, frutas secas, uma maçã ou biscoitos integrais que são comidinhas de baixa caloria, que vão mantê-la satisfeita até a hora do embarque.

O que comer no avião

As companhias aéreas já servem menores quantidades do que estamos habituados, pois a digestão fica prejudicada devido à pressurização da aeronave. Muitas empresas oferecem pratos sem açúcar, sem lactose, de baixa caloria e vegetarianos. Os dois últimos são facilmente digeridos, o que garante inclusive um sono mais tranqüilo (podem ser solicitadas entre 24 e 48 horas de antecedência). Outra boa sugestão são os alimentos sem sal, para prevenir o inchaço nas pernas, comum em vôos mais longos. Portanto, fique longe dos amendoins ou castanhas de caju. Bebidas alcoólicas devem ser evitadas porque causam desidratação. Além disso, a altitude potencializa o efeito do álcool. Para vôos mais curtos, a solução é simples. Se comeu antes de ir para o aeroporto, não há necessidade de se alimentar durante o vôo. Se tiver fome, não há muitas opções além da barrinhas de cereais, mini-sanduíches (prefira os com ricota e peito de peru) e biscoitos. Evite refrigerante e água gasosa, que podem atrapalhar a digestão e provocar gases.

O que comer em cruzeiros

Cuidado com o festival gastronômico! Pois há comida à vontade 24 horas por dia. A boa notícia é que tem muita coisa saudável, especialmente no que se refere a suco, fruta e saladas. A regra de ouro aqui é sempre analisar o bufê, fazer as escolhas e só então começar a se servir. Comece pela salada para se sentir mais saciada quando partir para o prato principal. Cuidado com osmolhos, escolha sempre a dupla azeite e vinagre (fique longe de blue cheese, thousand island e barbecue, pois são os mais calóricos). Coloque sempre uma proteína magra no prato, como um filé de peixe ou frango, e só um tipo de carboidrato, como pão, arroz ou macarrão. Prefira massas com molho de tomate, frutos do mar ou atum em vez das com queijo ou gratinadas. Para sobremesa, escolha uma porção de fruta ou sorvete de frutas. Doce, só de vez em quando (que ninguém é de ferro). E, ainda que esteja de férias, tente restringir o consumo de bebida alcoólica durante o dia. Mas não precisa se culpar por uma taça de vinho no jantar para acompanhar a refeição ou um drinque na balada. Mais do que isso, talvez tenha que acertar as contas com a balança na volta das férias. A escolha é sua!!!

Os cruzeiros, normalmente também oferecem, além do cardápio tradicional, para aqueles que necessitam de uma dieta personalizada,  cardápios especiais para crianças, opções para hóspedes que adotam uma alimentação vegetariana, light ou sem glúten, mais de 100 tipos de frutas diferentes e uma grande seleção de sobremesas de baixa caloria. Também possui ainda um menu especial dedicado a comidas Kosher (tradição judaica).

 

Liliam Teixeira Francisco

Nutricionista – CRN 2001100044-3

Consultórios:

Barra: Città America – Av. das Américas, 700 sala 343 bloco 6 –  Tel.: 2484-5028

Niterói: Rua Cel Moreira César, 229 sala 1712 – Shopping Icaraí – Tel.: 2246-0234

Méier: Rua Dias da Cruz, 556 sala 101 – Tel.: 2289-9403 / 3273-2772

Copacabana: Av. N. Senhora de Copacabana, 1052 sala 901 – Tel.: 2246-0234

Deixe um comentário

Arquivado em Colunas, ENDOdiagnostic, Receitas

Sucos!

 

Sempre que eu vou na consulta com a dra. Liliam, volto cheia de receitas boas e gostosas. Dessa vez ela me passou uma série de sucos legais. Vou listar aqui os que eu mais gostei.

Suco Anticelulite

Ingredientes: 1/2 pepino, 1 beterraba, 1/2 maça, 4 cenouras

Modo de preparo: Passe todos os ingredientes na centrífuga. Enfeite com um palito de cenoura.

Eu não sei vocês, mas vou testar esse suco, poxa… anticelulite? hahahahaha! A explicação é a seguinte, o pepino hudrata, é desintoxicante e, com a ajuda da beterraba, que auxilia na circulação sanguínea, colabora para varrer as toxinas das células. A maçã facilita a digestão e a cenoura contribui para o bom funcionamento do intestino.

Suco Emagrecedor

Ingredientes: 1 punhado pequeno de algas secas, 1 beterraba, 1/2 maçã, 4 cenouras

Modo de preparo: Centrifugue todos os alimentos, menos a alga, que deve ser batida com o suco no liquidificador.

A maçã e a cenoura ajudam na digestão. A beterraba auxilia a circulação, e as algas para inibir a fome, dando saciedade.

Suco Antidepressão

Ingredientes: 3 beterrabas, 1 punhado de espinafre e salsa, 4 cenouras, 1/2 maçã

Modo de preparo: Passe os ingredientes na centrifuga, menos a salsa. Acrescente-a ao suco já pronto, misturando.

A beterraba e o espinafre auxiliam a circulação, o que estimula as funções cerebrais e acalma os nervos. O espinafre ainda estimula os movimentos peristálticos do intestino, regularizando-os. A maçã e a cenoura facilitam a digestão.

Suco Antienxaqueca

Ingredientes: 4 cenouras, 1 dente de alho, 2 talos de aipo, 1 punhado de salsa.

Modo de preparo: Centrifugue todos os ingredientes. Só a salsa deve ser acrescentada por último, sendo misturada com a colher.

O alho auxilia a digestão e colabora a eliminar as toxinas. Rico em sódio, o aipo hidrata, ajuda a acalmar e diminui a dor porque colabora com a circulação sanguinea. Já  a salsa auxilia a digestão.

Espero que tenham gostado dessas dicas! Vou experimentar esse antienxaqueca com certeza!!

Deixe um comentário

Arquivado em Colunas, Receitas

Gosto pelas frutas – Melão

Hoje de tarde, um grande calor. Abri a geladeira e vi um pedação de melão que minha mãe comprou e fui lanchar.

Nossa, como estava docinho o melão, fiquei impressionada!

Resolvi pesquisar um pouco para saber as propriedades do melão , fui no google e achei esse site bem interessante, Nutrição em Foco.

Lá diz que o melão, por ser constituído em maior parte por água, é um excelente hidratante e diurético, além de possuir uma grande quantidade de nutrientes. Entre eles vitaminas A, C e do complexo B.

Citando o site:

Propriedades terapêuticas

  • O melão é um excelente diurético que serve para eliminar toxinas presentes no corpo
  • Previne o surgimento da gota ( que é caracterizada pela elevação da concentração de ácido úrico na corrente sanguínea )
  • É calmante, previne doenças como artrite, reumatismo, constipação intestinal e doenças renais como cálculo renal enefrite
  • Para as mulheres que ainda menstruam, o melão contribui para a regularização do ciclo menstrual e eliminação de coágulos de sangue, já para as que deixaram de menstruar e entraram na menopausa essa fruta auxilia ativando a circulação
  • O suco de melão serve para prevenir a acidose (acidez do organismo, devido a diminuição da concentração de bicarbonato na corrente sanguínea) além de problemas relacionados ao estômago, esôfago e garganta
  • O melão também é indicado contra a leucorréia (corrimento nas mulheres)”

Fica a dica para as mulheres principalmente, melão além de gostoso é muito bom pra saúde! (Pareci uma nutricionista agora :P)

1 comentário

Arquivado em diário, Mudando meus hábitos, Receitas

Surpresa Gelada

Para quem gosta de variedade de comidas durante a dieta pode aproveitar algumas receitas que a dra. Liliam me passou.

Essa eu pude comer a partir da terceira semana.

Surpresa Gelada

Rendimento: 5 porções

Ingredientes: 1/2 envelope de gelatina em pó sem sabor; 1/2 xícara (chá) de água quente; 1 xícara (chá) de manga picada; 2 colheres (sopa) de suco de limão; 2 envelopes de adoçante em pó; 2 claras em neve.

Preparo: Dissolver na gelatina na água quente e deixar esfriar. No liquidificador, bater a manga e o suco de limão, acrescentar adoçante até obter um creme. Juntar a gelatina para que misture. Despejar em uma tigela, juntar as claras em neve e misturar delicadamente. Despejar em tacinhas e levar à geladeira. Servir gelado.

Acho que essa compota dê para comer em qualquer situação! Não apenas em dieta. Por isso mesmo resolvi colocá-la por aqui.

Bom final de semana a todos.

Deixe um comentário

Arquivado em diário, Receitas